Francisco Pinto
Ínicio CV Portfolio Contactos
Rect(random(1,25),(random(1,25),12,12);, Madeira, ferro, plastico, lego technic/mindstorms, 188 x 81 x 28 cm.  Esta instalação é inspirada num sistema expositivo comercial, tanto pela sua forma como pelas suas funções: incorpora-se um sistema mecânico em Lego Technic fazendo rodar sobre si próprios pequenos elementos escultóricos em placas de plástico, acionadas por um código aleatório. A aleatoriedade que intitula a obra, rect(random(1, 25), random(1, 25), 12, 12);, representa uma linha de código em java e transmite a seleção da placa a rodar, aludindo ainda à dimensão destes mesmos elementos. Os elementos escultóricos aqui referidos são telemóveis como que reduzidos à condição de um pixel através da circunscrição pelo polistireno dando-lhes uma forma quadrangular. Num dos seus lados está presente a reprodução do telemóvel (em plástico HDPE) a uma cor, sendo que uma outra cobre o plástico circundante. No lado oposto da obra, uma pixilazação incolor e informe do telemóvel apresenta-se subtilmente circunscrita apenas pelo polisti- reno dissolvido na sua cor original – esta dualidade funda o centro do trabalho, estando também presente na sua caixa de madeira, que é branca e refinada na sua parte frontal, enquanto no lado oposto é possível ver o aglomerado das diferentes madeiras que a compõem de forma bastante rude. Estabelece-se aqui uma alusão à parte grosseira e oculta da mercadoria e do comércio massificado, como ainda de toda a contemporaneidade.
Rect(random(1,25),(random(1,25),12,12);, Francisco Pinto 2018, video digital, 1727 × 1080, 10'28'' WIP na MUTE Bárbara Bulhão,Fábio Colaço,Hugo Lami e Francisco Pinto, com curadoria de Andreia César Sinopse: WIP é acrónimo de work in process, um conceito com origem na indústria, especificamente utilizado pela gestão de cadeias de fornecimento de mercadorias, e que agora constitui o título desta exposição coletiva. Na mostra WIP propõem-se estabelecer um paralelismo entre o objeto artístico e a mercadoria comum, indagando a explícita conjugação entre a dimensão económica e a dimensão cultural, onde a arte não só segue as regras do mundo mercantil e mediático como também reproduz, em certa medida, o seu modus operandi.
www.000webhost.com